Mostrando postagens com marcador Testaroli. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Testaroli. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Pasta com verduras, comida simples e repleta de encantos


penne com cavolo nero, pinoli mais parmesão
testaroli com pesto 

Paciência e devoção são os ingredientes primordiais dos pratos que chegam à mesa na Toscana/Itália. Em cada refeição, o respeito às tradições pode ser aferido nos ingredientes degustados. Quando da mesa lá me levanto (e isso demoraaaaa...) tenho a impressão de que não fiz apenas uma refeição, mas participei das histórias de vidas das pessoas, ao lado de quem estava. E é a mais pura verdade.
Cada produto que para a panela vai, tem uma história diversa, respaldada pela dedicação de muitas pessoas, dos encantos; da diversidade ecológica; do respeito a cada ingrediente; ao passado, ao presente e ao futuro.
E, lógico, toda degustação, sempre é regada de prosas, prosas e mais prosas perché io parlo, parlo, parlo...(porque eu falo muito durantes as refeições e como devagar. Sempre. talvez seja o sangue italiano correndo nas veias).

tagliatelli con sugo di funghi

cavolo nero
Fato é que todas as refeições são rapidamente preparadas. Alguém dá o 'tom': che mangiamo (pasta com i fagioli o verdure – feijão, e/ou batatas, e/ou folhas, como a cavolo nero); há pão, focaccia, salada, queijo. Basta!!).No mais, se na horta estamos, com os ingredientes voltamos. De outra forma, armazenadas já estarão. Então, um EVIVAAAAAAA às pastas com verduras. Leves, de fácil preparo e tão distante do nosso dia a dia.E assim o é no Il Borgo Della Colomba e Osteria Dei Sani. E que assim sempre o seja. Saúde e mais um...obrigada!!!!

Massa com Cavolo Nero e cubos de batatas
Esta deliciosa verdura pode ser usada em preparos diversos. Quando emergida em água quente, tende a soltar seu forte verde e ‘contaminar’ os demais ingredientes. Um prato bastaste comum é o fettuccine com cavolo nero mais cubos de batatas. A verdura, após cozida, é picada grosseiramente e refogada em azeite com bastante alho e pimenta fresca. Na mesma panela, cubos de batatas, são agregados. A massa, cozida paralelamente, após escorrida é agregada á frigideira dos legumes. Sal e pronto!!!

sábado, 3 de dezembro de 2011

Brindes e degustações para um.... ‘Até breve’


Este é um blog de receitas, mas como boas comidas e infinitos brindes sempre celebram grandes momentos, este post é dedicado à amada amiga Célia, que realizou a primeira, de muitas, despedidas, ou, melhor dizendo, o primeiro de muitos ‘Até Breve’, no Pastifício Dell’Amore. Em janeiro de 2012 a família Drescher inicia um novo ciclo de vida um pouco distante de nós, no sul da Alemanha. Célia, Johnny, Théo e Dorinha, saibam que agradecer e despedir, conscientes  que o que foi tecido junto, na confiança da amizade e na cumplicidade do viver, é condição para a continuidade de nossa aposta comum, nossa amizade, nossa sintonia com o que nos é causa, princípio, diretriz e, sobretudo, modo de fazer a vida sempre feliz!!! Estaremos sempre ao lado de vocês!!!

Para tanto, com imensa dedicação e carinho, o Pastifício Dell’Amore preparou um cardápio especial para que suas companheiras de vida guardem não só a imagem, mas o sabor de momentos inesquecíveis. O cardápio trouxe todos os aprendizados da Toscana, com muitos legumes, pastas leves, riso simplice, pães, grãos - no caso lentilhas da sorte preparadas com defumados do Pastifício e, para finalizar, uma excessão dos pratos italianos, um Petit gâteau com sorvete de creme.
Téo, querida, em todo tempo, passageiro é a vida...O tempo tem pressa, e em cada parada uma despedida.
o que temos se vai; o que somos fica. Até breve!!

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Testaroli ao Pesto do Pastifício Dell’Amore

Após a imersão cultural e gastronômica que tive a oportunidade de passar na Toscana, Itália, onde, durante 30 dias, convivi com pessoas que têm o prazer de proliferar seus conhecimentos sobre o cultivo e o preparo de alimentos orgânicos; e, sobretudo, sobre o ciclo de transformação de componentes da natureza, tento ‘Ganhar a Vida a Cada Momento’, a exemplo do modo de vida da população da região. Graças à dedicação e paciência de Gianni e Cris, do Il Borgo Della Colomba (Fosdinovo),  hoje reproduzo o que aprendi principalmente no fogão e na linda horta do Pastifício, que ganham, a cada dia, um minuto a mais de dedicação e um olhar distinto em cada receita ou novo tempero cultivado.   
No final de semana, foi a vez dos Testaroli, servidos com molho Pesto preparado como manda o ‘figurino’ da Toscana; Ligúria e arredores: Ramos de Basilicão lavados, amarrados pelos talos e secos ao vento durante algumas horas para que nenhuma gota de água interfira na textura da salsa. Depois, um azeite de procedência conhecida (a % de acidez não representa qualidade, como, por exemplo, 0% de acidez = um azeite sem propriedade alguma); pinoli rapidamente tostados, parmesão fresco, ralado, e a mesma quantidade de queijo pecorino ralado. Obrigada Cris. Obrigada Gianni. Gostaria que provassem meus Testaroli ao Pesto....lógico que receberia críticas, já que preparam delícias únicas!